Fugou Keiji: Balance:Unlimited retorna de hiato em grande estilo

Depois de um breve hiato, o anime Fugou Keiji: Balance:Unlimited, da Fuji TV, volta em grande estilo e com grandes expectativas.

12/08/2020 Última edição em 12/08/2020 às 19:10:42

Com os efeitos de isolamento social devido à pandemia do COVID-19, muitas empresas tiveram que adiar suas animações, tanto séries quanto filmes. Até títulos famosos como One Piece, Boruto: Naruto Next Generation e Pokémon não foram poupados, e com o estreante Fugou Keiji: Balance:Unlimited não foi diferente.

Contudo, aos poucos, as empresas começam a retomar suas atividades. E mesmo depois de ter tido um hiato forçado ainda no seu segundo episódio, Fugou Keiji: Balance:Unlimited é considerado uma das voltas mais esperadas da temporada. Mas será que é isso tudo mesmo? Confira a seguir:



HISTÓRIA DO ANIME

A história gira em torno do milionário Daisuke Kambe, herdeiro de uma das famílias mais ricas do Japão, e Haru Katou, um detetive de coração compassivo que acredita que dinheiro não é tudo.

Designado como detetive da Força-Tarefa de Prevenção ao Crime Moderno de Tóquio, Daisuke usa e abusa de sua própria riqueza para resolver qualquer tipo de problema, botando preço em tudo, inclusive em vidas humanas em risco - chocando diretamente com os ideias de Haru. Mas apesar das diferenças, os dois devem unir esforços para resolver os casos que começam a surgir no departamento.



ADAPTAÇÃO UM POUCO INCOMUM

Fugou Keiji: Balance:Unlimited é baseado numa novel de mesmo nome, lançada no ano de 1985. A história se passa nos anos 70, contudo, a adaptação preferiu pegar a ideia principal do mangá e levá-la aos dias atuais, mantendo o embate original entre justiça e dinheiro dos personagens principais, juntamente com uma pegada investigativa semelhante a Sherlock Holmes.

O contexto e a ambientação moderna são feitos de uma forma quase maestral, deixando o enredo não só muito mais interessante como também bem mais divertido e crível. Exemplo disso é a IA (Inteligência Artificial) particular de Daisuke chamada HEUSC, que o auxilia em toda a trama dos primeiros episódios e combina muito com o modus operandi do personagem.



 FAÍSCAS ENTRE DAISUKE E HARU

O que mais cativa no anime é a interação dos personagens principais. Ambos rapazes possui personalidade claramente diferentes, o que causa atrito na hora de lidar com as complicações da profissão.

Por seu jeito apático e arrogante, Kambe Daisuke age sempre de forma inconsequente, acreditando que seu dinheiro pode resolver eventuais problemas que podem surgir – tanto que no final de cada episódio, um balanço é feito de quanto foi gasto por Daisuke. Já Katou Haru sempre acaba brigando com o parceiro, uma vez que tem um senso de justiça muito forte e preocupa-se muito com o bem estar das pessoas. É um tanto divertido ver as desavenças entre os dois.



ANIMAÇÃO E TRILHA SONORA

É impressionante como a animação consegue seguir com a personalidade de cada um dos personagens. Haru possui muito mais expressões e animações mais agitadas, diferente de Daisuke, que se mostra apático a quase todo momento e muito mais sereno que o próprio parceiro - isso reflete também no estilo de vida de cada um.

A trilha sonora casa muito bem com o anime como um todo, tornando o episódio algo magnífico de ser assistido. As músicas de abertura e de encerramento são maravilhosas, animadas e com aquela pegada investigativa. E também são bem viciantes em um ponto que é quase impossível pulá-los no episódio (digo por experiência própria).




O anime é muito apaixonante e uma das descobertas mais surpreendentes do ano. Está no seu 4º episódio, então ainda dá tempo de ver tudo e esperar ansiosamente pelo próximo desta semana.

E aí, ficou animado? Vai colocar o anime na sua lista? Já conhecia? Conte um pouquinho para a gente nos comentários!!!




Comenta aí :)
Já possuo uma conta
Quero criar uma conta