Ragnarok Online completa 16 anos de seu lançamento no Brasil e ainda se mantém vivo entre os players

O jogo que chegou em 2004 no Brasil se mantém ativo para quem queira jogar MMORPG.

16/09/2020 Última edição em 16/09/2020 às 09:00:41

O Ragnarok é um jogo Free to Play do tipo MMORPG desenvolvido pela da empresa sul- coreana Gravity Corp. Foi lançado em 2002 e chegou ao Brasil em 2004 através da Level Up, que disponibilizou CDs do jogo através de sua revista e conquistou muitos jogadores no país. Tendo o Poring, um monstro de geleia fofinho, como seu símbolo, Ragnarok tem adeptos até hoje.

Bom, esse é um resumo bem rápido do que é Ragnarok, até porque essa matéria não é um review do jogo, se fosse, com toda certeza, seria muito tarde para fazer isso (pelo menos 16 anos de atraso kkk), além disso eu seria suspeito em fazer uma crítica ao jogo, por isso vamos nos focar na trajetória desse jogo que marcou muitos jogadores.

Ragnarok começou a sua jornada aqui no Brasil com a Level Up disponibilizando o CD do jogo em sua revista, que sempre trazia jogos de brinde em suas edições, até em porta de colégios esses CDs eram distribuídos, assim alcançando uma gama para além dos assinantes de sua revista e compradores eventuais. Apesar de todo esse marketing, a gente não pode esquecer do que realmente fazia a gente entrar nesse universo: os relatos "boca a boca" dos amigos. Quem nunca teve um amigo que conhecia Ragnarok e convenceu outro amigo a jogar para montar aquele Clã esperto?! Com seu crescimento claro que Ragnarok não ficou só no computador, ele ganhou um anime com 26 episódios feito em 2004 e exibido no Brasil em 2006, o que ajudou a expandir ainda mais a gama de novos jogadores. 

Entre quest, Guerras de Emperium (WoE) e PvP, o jogador é imerso em um mundo medieval mágico, com classes comuns de RPG e tem como plano de fundo a mitologia nórdica, trazendo itens, monstros, habilidades e entre outros, que remetiam a essa mitologia. E a Renovação, que introduziu evoluções das classes existentes do jogo, foi lançada no Brasil em 2010, dando mais um gás a vivacidade do MMORPG.

A dificuldade de enfrentar muitos boss e guerras pelos domínios dos castelos, promoviam a interação dos jogadores e a cooperação entre os mesmos, tornando a experiência mais prazerosa e viável a conseguir os objetivos.

Mas foi nos servidores alternativos criados após o sucesso de Ragnarok que a temática existente no jogo se transformou, havendo muitos onde os personagens se tornavam over powers em relação a como deveriam ser. Esses servidores alternativos são divididos em basicamente três tipos: o low elo, é o servidor com a dificuldade normal do jogo, onde o level máximo que um jogador consegue chegar é o 175; o mid elo, onde o status do personagem e de itens são maiores, assim a dificuldade de enfrentar os monstros diminuía e o level final varia entre os servidores, possuindo taxas de drops mais altas; mas é nos servidores high elos, que as coisas ficam absurdas, os personagens conseguem ficar muito fortes, chegando ao level 999, neles a taxa de drops são muito altas, assim como o status de personagens e itens, e aqueles que são mais raros podem ser comprados com dinheiro real.

Além das mudanças na jogabilidade que foram sendo atualizadas com o passar do tempo, os itens também se modificam com o passar do tempo, sendo incluídos inclusive referência a animes, outros jogos e etc., além de acréscimo de cidades e regiões nos mapas.

O jogo tem uma importância grande para muitos gamers, que passaram horas em Midgard (continente onde o jogo se passa) se fortalecendo, enfrentando personagens em batalhas PvP, GvG, Batalhas Campais e as WoE, se juntando a outros jogadores e desenvolvendo estratégias de combate, administrando clãs e comércio (com muitas contas extra para isso) e criando novas amizades por conta do Ragnarok.

Para quem quer começar ou voltar a jogar Ragnarok, a Level Up mantém o jogo ativo, além de outros servidores que podem ser encontrados através de redes sociais ou sites de ranking, onde não se deve confiar muito nas colocações, mas pesquisando servidores, pode ser que se encontre algum que interesse.

Também existe o Ragnarok M : Eternal Love(ROM), versão para Android e IOS do jogo e a sua continuação, o Ragnarok Online 2.




Comenta aí :)
Já possuo uma conta
Quero criar uma conta